Friday, October 23, 2015

Nova Logomarca da Bandeirantes

Jornal do Brasil
Data de Publicação: 06/04/1981

O ''OLHO'' DA BANDEIRANTES

SÃO PAULO - Primeiro foi um pavão, símbolo adequado, mas muito figurativo. Mais figurativo ainda era o pequeno bandeirante, parecido demais com o indiozinho da Tupi. Finalmente, uma agência de publicidade criou o "olho", até hoje o símbolo da Rede Bandeirantes de Televisão, mas agora o olho (antigamente, duas salsichas envolvendo uma bola) ganhou novo design.

O símbolo já está no ar, a anunciar a nova programação, principalmente a do Departamento de Jornalismo, que vai estrear amanhã, em Rede. E também tem um autor: o designer, diretor de arte, arquiteto e artista plástico paulista Sérgio Fridman Roberg, que impôs seu conceito, mesmo concorrendo com pré-projetos de famosos desenhistas industriais brasileiros, como Aloísio Magalhães e Alexandre Wollner.

O novo visual da Bandeirantes começa justamente com o esquema de reformulação iniciado a partir da compra de 17 milhões de dólares em equipamentos na Europa e coroado com a contratação de Walter Clark como o novo diretor-geral da Rede de Televisão. O logotipo, segundo explicou Sérgio Roberg, vai ser usado em tudo o que refletir a empresa, desde os veículos, até vinhetas, fachadas, papelaria, uniformes de funcionários etc. Segundo ele, "a idéia é a de se criar um verdadeiro programa de identidade visual como todas, as grandes corporações têm".

- A idéia inicial era a de se mudar completamente o visual existente, mas foram realizadas pesquisas que indicaram que a Bandeirantes tinha um bom conceito junto ao público. uma imagem de confiabilidade e que se ainda não tinha conseguido uma boa programação, ela sem dúvida viria. Por isso, optei por um aperfeiçoamento do visual existente - contou Roberg.

O símbolo anterior da Bandeirantes, além do aspecto de salsicha, tinha o problema de ser muito semelhante ao da Globo. Além disso, era considerado de difícil reprodução e não tinha um fácil significado aparente. As letras usadas para a identificação, em caixa alta, eram consideradas muito pesadas. Por isso, Roberg fez o título em caixa baixa sob um olho mais fácil de ser reproduzido.

- O primeiro passo foi estabelecer um conceito. A idéia era a de se aproximar o vídeo do espectador, que já está cansado de ver um mundinho separado do dele, piscando (Globo). Daí a idéia do olho, porque assim o vídeo cria vida, está observando o observador, dialogando com ele, Junto à idéia foi somado um lettering (letreiro) de formas modernas e arrojadas - disse o designer.

Para chegar à solução final, Sérgio Fridman Roberg fez mais de 370 modelos e passou três meses tentando aperfeiçoar o desenho, procurando uma forma de aproximá-lo cada vez mais do conceito que julgava acertado. Para fazer isso, contou com a experiência de quem trabalhou, como diretor de arte de agências 'de publicidade, obteve premiações internacionais como desenhista industrial e viu muitos trabalhos seus publicados em livros e revistas especializadas da Europa e dos Estados Unidos.

Sérgio Fridman Roberg foi o primeiro designer brasileiro a exportar um projeto de desenho industrial inteiramente realizado no Brasil, o da K.A. International Corp., levado para 27 países de sete idiomas diferentes. Criador de embalagens, tem escritório em São Paulo.

No comments:

Post a Comment

Followers