Saturday, December 20, 2014

1982 - Chacrinha Volta Pra Globo

O Globo
Data de Publicação: 14/2/1982
Autora: Ângela Abreu
COM MUITO DISPOSIÇÃO E AMOR PARA INAUGURAR O 'CASSINO' CASSINO'

Após dez anos afastado da Rede Globo, Chacrinha está de volta. Às 16 horas de sábado, 6 de março, estreará o "Cassino do Chacrinha". Seus tradicionais programas, a "Discoteca" e a "Buzina", serão transformados em um só. O "Velho Guerreiro" promete semanalmente duas horas de atrações ao vivo e muita alegria. Com o mesmo jeito de falar usado na televisão - as vogais esticadas e a voz um tom acima do normal - Chacrinha conversa com os netos, diz galanteios a dona Florinda, sua mulher há 35 anos, e conta, entusiasmado, tudo sobre o novo programa.

A expectativa da volta é grande, apesar dos 42 anos de carreira. Um dos segredos de seu sucesso é manter-se sempre atualizado, usando em seus programas os acontecimentos da semana, as músicas que ESTOURARAM, enfim, como ele mesmo define, "estar sempre em cima do lance".

- Isto exige uma atenção constante, o que acaba se transformando em tensão. Ainda não me habituei à que cerca a produção de um programa. E como se estivesse fazendo uma revista por semana. Mas gosto demais do meu trabalho e, agora, estou mais animado do que nunca. A Rede Globo colocou tudo à minha disposição. Espero devolver a ela na mesma proporção, fazendo muito sucesso.

Auxiliando Chacrinha está, como sempre, seu filho quem faz a direção geral e a produção de todos os programas e shows do pai. Apesar de

morar em Ipanema, Leleco, sua mulher Maria da Graça - ou Maninha, como o sogro a chama - e os dois filhos, Ana Paula, 5 anos, e Alexandre, 2, estão sempre na casa de Chacrinha, na Barra. Leleco es tá animado com o primeiro programa do pai na Rede Globo:

- Será uma verdadeira festa. Já confirmaram presença o Roberto Carlos, Simone, Erasmo Carlos, Wanderléa, Fábio Júnior, Beth Carvalho, Clara Nunes, Fagner, Jorge Ben e a menina Nikka Costa, filha do maestro Don Costa. Está em nossos planos fazer concursos como, por exemplo, "A criança mais bonita de 82". Conservaremos a mesma dinâmica de todos os programas e manteremos a tradição de trabalhar "ao vivo".

Chacrinha e Leleco dizem que a Rede Globo está colocando à disposição deles tudo o que é possível. Além de apoiarem a equipe de produção com profissionais da própria emissora, ainda providenciaram uma casa no Jardim Botânico para a equipe, roupas para as chacretes, cenários e técnicos. O programa irá ao ar com quatro câmeras fixas e uma portátil.

- E, se preciso, entrarão outras. O apoio que estou recebendo só traz vantagens para mim. Fiquei dez anos fora da Globo pensando no dia em que iria voltar. Onde trabalhei, fiz questão de fazer o melhor, independente da qualidade técnica que me cercava. Agora, só tenho motivos de fazer ainda melhor. Na estréia receberei quase todo o elenco das novelas. Farei brincadeiras com todos. Em cada programa, pelo menos quatro artistas serão convidados a participar do júri. Enfim, novidades e surpresas não faltarão, além, é claro, de muita alegria,

Além da satisfação de voltar à Rede Globo, de ser recebido com carinho por todos - "desde os faxineiros até os diretores são meus amigos" - mais uma coisa alegra Abelardo Barbosa: fazer o programa no Rio significa mais tempo para estar com a família. Pai e avô orgulhoso, marido apaixonado, ele afirma que toda a luta de sua vida teve dois objetivos: a família e o seu público.

- Minha mulher, meus filhos e netos são as pessoas que mais amo no mundo. Batalhei sempre pensando eles e gosto de tê-los à minha volta. Ver a casa cheia, receber os amigos de meus filhos, ver meus netos brincando com os amiguinhos que eles fazem questão de trazer para cá, isto é a minha vida. Outra coisa que me gratifica é conversar com as pessoas que me assistem. Levar alegria a este povo me deixa muito feliz.

Os filhos retribuem o carinho do pai com atenção e presença constantes. Dona Florinda diz que os três são muito unidos e reclama que Jorge, o mais velho, esteja agora, com a mulher, passeando no México. Mas Jorginho, seu filho caçula, ficou com os avós para diminuir as saudades:

- Jorge também é pai de nossa neta mais velha, a Andréa, que tem 10 anos e ficou em Petrópolis. Pena que ela não esteja aqui. Florinda e eu não gostamos de vida noturna. Saímos pouco. A coisa de que mais gosto é ficar em casa. Se possível, com ela cheia, recebendo. Nos dias de folga, a vida de Chacrinha é acordar muito cedo. As seis horas da manhã, já está aproveitando os jardins e a piscina de sua casa. E, sempre que pode, usa o escritório que construiu no corpo da casa para resolver seus problemas profissionais. Para ele, o melhor programa é estar ali, conversar como filho Nanato,e esperar a chegada dos outros. Assistir às fitas gravadas com seus programas é outra atividade de que não abre mão. Dona Florinda, responsável pelas gravações, até que acha o trabalho fácil:

- Já houve época, quando não existia o video-tape, em que assistia a todos os programas, marcava o tempo, cronometrava os minutos dos anúncios e ainda tinha que entregar a Abelardo um relatório. Agora, felizmente, minha função é mais simples. Quando ele está no ar, preciso apenas ligar o aparelho de VT.

Em uma casa ampla, Chacrinha e dona Florinda aconchegam a bonita família que construíram. Para ela, a fórmula do sucesso de um casamento é amor, respeito e muito companheirismo. A carreira do marido, que acompanhou passo a passo, ainda traz momentos de tristeza. É quando Chacrinha faz suas viagens pelo Brasil inteiro para apresentar shows. Mas tudo é recompensado na volta com muito amor e carinho.

No comments:

Post a Comment

Followers