Tuesday, November 5, 2013

1980 - Benedito Ruy Barbosa na BAND

Jornal do Brasil
2/1/1980

A CORRIDA DA VIDA
Numa novela que pretende inovar

SÃO Paulo - Primeira vez, em muito tempo, uma novela de televisão não criará o clima de expectativa sobre o final feliz de um romance. Em Pé de Vento A corrida da vida, esta expectativa, desde o primeiro capítulo, gira em tomo do resultado de uma Corrida de São Silvestre, que se realiza em São Paulo na passagem de ano.

Esta é uma entre algumas novas Propostas que o autor Benedito Rui Barbosa pretende fazer em sua primeira experiência na Bandeirantes, depois de vários anos na Rede Globo, recriando O Sítio do Pica-Pau Amarelo, de Monteiro Lobato, e mais recentemente, com Cabocla, Uma adaptação livre, pois apenas dois personagens permaneceram do romance de Ribeiro Couto.

Benedito Rui Barbosa saiu da Globo "de forma Profissional" como ele diz: "Foi uma proposta muito boa e, além disso, a Bandeirantes está fazendo um importante esforço nas novelas, criando novo mercado de trabalho, num campo em que as opções eram poucas".

Ele afirma que sua convivência na Globo foi boa e destaca Cabocla, que termina esta semana, "porque nela eu consegui escrever diálogos numa linguagem com a qual convivi muito tempo, pois também sou do mato".

Na nova novela, Ruí Barbosa vai abordar a vinda de uma família de Minas Gerais para São Paulo, com todo o impacto que isso causa numa família, a mudança de hábitos, o quintal cimentado onde não se Pode Plantar nada. O chefe da família, André, um torneiro mecânico interpretado por Dionísio de Azevedo, vai viver um drama comum aos velhos: a dificuldade da aposentadoria por não conseguir provar ao INPS todos os seus anos de trabalho.

O filho de André, Edmar Pé de Vento, que dá título à novela e será Interpretado por Nuno Leal Maia, é um Jovem interessado em corrida.

Em São Paulo, passa a treinar num clube. Com isso, Benedito Rui Barbosa, ex-repórter esportivo, pretende mostrar a situação do atleta brasileiro. A crítica virá através de seu treinador, um veterano desencantado.

Outros filhos do mestre André estarão em idade de prestar vestibular e, com isso, mais um acontecimento cotidiano será enfocado.

Outros personagens simbolizarão certos temas, como a feminista Quitéria. O utópico dono de uma rede de supermercados, que baixa os preços com medo de que o povo com fome possa vir a se revoltar, é um subempregado que "se vira" lavando carros e fazendo biscates.

Um personagem misterioso (a emissora não informa quem é o ator que trabalhará encapuzado) comandará o programa Acorda Brasil, no qual toca música brasileira e discute problemas da atualidade, às vezes dirigindo-se até ao Presidente Figueiredo.

- Acho que uma novela tem de transmitir mais do que casinhos de amor entrelaçados. Afinal, um programa que tem audiência em 90 horas deve conter alguma informação nova. É claro que a novela terá romances, será muito tema, muito romântica, mas com bastante humor. E quem vai se encarregar deste humor será um trio de trabalhadores e um biscateiro, uma espécie de três mosqueteiros que, como na história original, são quatro.

O trio é formado por Treze Pontos, interpretado por Fausto Rocha, jogador inveterado e intelectual do grupo; Boa Gente, (Maurício do Valle), que, como o nome diz é uma boa pessoa que, por ser forte: salva a turina na hora da briga e Zé Queimado (Canarinho). O quarto da turma é Catica (Arnaldo Vaez), que sobrevive lavando carros.

Ao lado disso, os romances. E neste ponto, Rui Barbosa se permitiu uma concessão: o triângulo amoroso central envolverá um rapaz (Nuno Leal Maia) e uma moça (Alcíone Mazzeo ou Elizangela) pobres e uma outra moça rica (Maria Ferreira). O ponto de contato entre os pobres e os ricos será o clube onde Edmar treina e a rica toma sol.

As primeiras e últimas cenas da novela serão gravadas durante a corrida de São Silvestre, na passagem do ano. Será o início, quando Edmar surge como um das muitas "esperanças brasileiras" e também o fim, com o resultado da corrida, que obviamente é segredo, pelo menos para quem não se dispuser a sair às ruas em pleno Ano Novo para acompanhar as gravações no Centro de São Paulo.

Eis o elenco da novela Pé de Vento - a Corrida da Vida', que estréia e será apresentada no horário das 19 horas, com direção de Arlindo Pereira:

Dionísio de Azevedo (Mestre André) - torneiro mecânico que vem com a família de Muzambinho, em Minas Gerais, para São Paulo, onde consegue estabelecer-se graças à sua capacidade. Chega a ter seu próprio torno e alguma clientela até que, por problemas financeiros, é obrigado a vencer todo equipamento de trabalho. Por não conseguir comprovar oito anos de trabalho, tem dificuldades em aposentar-se.

Maria Luiza Castelli esposa de mestre André mulher rude extremo bom senso. à o equilíbrio da família.

Nuno Leal Maia (Edmar Pé de Vento) filho do casal, tomou gosto pelo esporte e ao chegar a São Paulo começa a treinar. Divide seu amor entre as corridas, a enfermeira e a milionária Cris.

Ester Goes (Manta) - Aeromoça que mora em uma pensão, moça honesta, ama seu trabalho e não aceita o julgamento preconceituoso de sua classe. Apaixonada por Jofre.

Fausto Rocha (Treze Pontos) simboliza o anseio de chegar à fortuna através de um golpe de sorte. Joga tudo que ganha em qualquer tipo de aposta.

Osmar de Mattos (Itamar) milionário mimado, apaixonado por Cris.

Rogério Marsico (Alfredo) treinador de Edmar. Desiludido do esporte tem esperanças apenas no atleta.

Edney Giovenazzi (Edmundo) personagem utópico. Dono de uma rede de supermercados, chega ao absurdo de vender artigos de primeira necessidade a preço de custo para atrair freguesia e por medo de que o povo com fome se revolte.

Baby Garroux (Quitéria). Dona da casa onde moram várias moças, é feminista convicta até que encontra o homem de sua vida.

Maria Estela (Gisele) mulher de Edmundo. Solitária, pois o marido se preocupa mais com o supermercado do que com ela.

Cristina Muniz (Aninha) filha de mestre André, para poder prestar vestibular trabalha num consultório médico. Apesar de capacitada, não passa no exame e tenta mudar de vida.

Rolando Boldrin (Jofre) sujeito simpático e tímido, dono de uma riqueza que ninguém sabe de onde surgiu.

Felipe Levi (Junqueira) torneiro mecânico que deu certo. E dono da fábrica onde trabalham mestre André, seu filho Edmar, 13 Pontos, Zé Queimado e Boa Gente.

Canarinho (Zé Queimado) parceiro de 13 Pontos e Boa Gente, Sempre arranja encrenca.

Maurício do Valle (Boa Gente), sujeito simpático que livra a turma na hora da briga.

Taumaturgo Ferreira (Moacyr), outro filho de mestre André. Depois de reprovado no vestibular, é envolvido por sua inocência e acaba causando problemas à família.

Angelina Muniz; (Ludimila) Namorada de 13 pontos, que por acreditar no seu amor, dá-lhe dinheiro para jogatina. É balconista e mora na pensão de Quitéria.

Arnaldo Vaez (Catica) desempregado, amigo da turma Treze Pontos.

Riva Nirnitz; (Fefa) empregada na casa de Edmundo vive se intrometendo nos assuntos da família.

Henrique César (Juca) mordomo de Edmundo, parceiro de Fefa.

Maria Ferreira (Cris), milionária que se apaixona por Edmar e acaba dependente dele.

Carmen Silva (Noca) avó de Te, mulher com sua própria filosofia de vida, acredita que amor requentado dá dor de barriga.

Joy Boy Brasino (?) apresentador de programa Acorda Brasil defende a cultura brasileira. O nome do ator será revelado depois de uma promoção durante a novela em forma de um concurso para que os telespectadores advinhem seu nome.

Te - Namorada pobre de Edmar. A atriz ainda não está definida. Pode ser Alcione Mazzeo ou Elisângela.

No comments:

Post a Comment

Followers