Monday, May 10, 2010

1982 - Discriminando Gays

Jornal do Brasil
10/3/1982
- carta de leitor -
============



HOMOSSEXUALISMO
( ... ) Năo poderia deixar de escrever esta depois de ler a seçăo de cartas do Caderno B do JB.

1) Propagar o homossexualismo na TV, a exemplo do que fazem os gays assumidos Aguinaldo Silva e Gilberto Braga, na novela das oito, deveria ser considerado como crime contra a formaçăo moral do país. Năo há sociedade que se preze que năo tenha código moral mínimo. Será que é preciso explicar ŕqueles autores que năo é muito saudável o incesto, o estupro, a prostituiçăo, o roubo, o assassinato, nem para o indivíduo e nem para a sociedade? Deve haver um código mínimo de respeito ao próximo. Se é para legalizar e considerar normal o homossexualismo (nenhuma tese científica justifica a sua normalidade), por que motivo também năo devem ser normais o incesto, o estupro e toda sorte de crises e taras? O que fundamenta a năo normalidade desses crimes e taras? ,

2) Năo confundir o que falei com o que falam os beatos e moralistas que já desfraldam bandeiras contra o argumento do filme de Martin Scorsese, A Tentaçăo de Cristo. Quem foi Cristo? Nada mais que um grande homem. Assim como o foi Leonardo da Vinci em sua área, ou Moisés também na religiăo, ou Buda ou Gandhi ou Marx, ou Krishna. Foi um iluminado, um homem acima dos outros. Mas năo deixou de ser um homem enquanto viveu. Por qual motivo entăo, deus meu, năo poderia ter tentaçőes? ( ... )

Em resumo: proibir A tentaçăo de Cristo é tăo crime quanto institucionalizar o homossexualismo na novela das oito. É onde os extremos se encontram, mais uma vez. - [ass.] - Brasília.



No comments:

Post a Comment

Followers