Friday, March 26, 2010

1995 - Nasce a TV COM

Meio & Mensagem
8/5/1995
-------------------------

EMISSORAS TENTAM INOVAR NA PROGRAMAÇĂO


Apoiada no profissionalismo do Grupo RBS, foi inaugurada no dia 15 de maio a TV COM, com transmissăo para 11 municípios da Grande Porto Alegre através dos sistemas UHF, canal 36, MMDS e 71/ a cabo pela Net Porto Alegre. O Grupo RBS investiu US$ 2 milhőes no negócio, dando prova de que a regionalizaçăo do meio TV é viável e trata-se de uma tendęncia em desenvolvimento. De acordo com Fernando Miranda, diretor de operaçăo da RBS, somente nas primeiros seis meses de vida a TV COM deverá faturar US$ 1,6 milhăo, mesmo esbarrando na limitaçăo de oito horas para transmissőes ao vivo. As imagens geradas pela emissora também serăo distribuídas para a Net, que fará retransmissăo por MMDS na regiăo.

A programaçăo é totalmente voltada comunidade local e atinge 3 milhőes de pessoas moradoras numa regiăo que representa 32% do potencial de consumo do Rio Grande do Sul. Todos os dias a partir das 17h, 19h e 23h serăo transmitidos noticiários de meia hora e ŕs 18h, 20h, 24h entram noticiários de 10 minutos a cada meia hora. As informaçőes tratam de acontecimentos da Grande Porto Alegre, explorando vários segmentos, como cultura e lazer, política e economia.

O projeto da TV COM originou-se de pesquisas feitas pelos profissionais da RBS nos últimos dois anos sobre programas como o NYU e o Chicago Land, nos Estados Unidos, e o LCI, da França, todos voltados para as comunidades locais.

A concessăo do canal 36 para o Grupo RBS foi dada para transmissăo por UHF em canal fechado e 33% de operaçăo aberta, o que possibilita um melhor aproveitamento comercial da emissora. O restante do tempo será utilizado para a veiculaçăo de um "jornal eletrônico" por meio de lettering.

Miranda afirma que mesmo com a restriçăo de horário, já foi possível negociar cotas de patrocínio para programas que estăo em fase de execuçăo.

A TV COM vai inaugurar editoriais ainda năo-exploradas por outras emissoras de TV, como um programa de defesa do consumidor, marketing e negócios, mercado imobiliário e construçăo civil, terceira idade, fitness e automobilismo. Esses programas foram definidos a partir de pesquisa junto ao telespectador. A emissora também inova na apresentaçăo de opçőes para exploraçăo dos espaços publicitários, como a colocaçăo de recursos de interatividade que văo permitir ao telespectador solicitar e obter maiores informaçőes sobre os produtos anunciados via fax ou viva voz.

Grupo de apoio - É certo, porém, que a TV COM nasce apoiada na estrutura operacional da RBS TV, afiliada da Rede Globo, e do jornal do Grupo, o Zero Hora, onde foi instalado um estúdio da TV COM. Esses fatores certamente contribuem para o início das operaçőes. "As emissoras comunitárias tęm de ser apoiadas por grupos de comunicaçăo já consolidados", orienta Alberto Freitas, diretor comercial e de marketing da RBS TV e TV COM.

A TV Guaíba é outro exemplo de sucesso entre emissoras com operaçăo regional. A TV funciona há 16 anos pelo canal 2 (VHF) com oito horas de programaçăo ao vivo e oito horas para veiculaçăo de filmes. A programaçăo ao vivo é voltada ŕ comunidade da Grande Porto Alegre e trata de assuntos femininos, culturais, esportivos e jornalísticos. De acordo com Helena Ribeiro, diretora da TV Guaíba, a emissora chega a atingir o terceiro nível em faturamento entre as emissoras do Estado e em audięncia local.

O superintendente da Rede Mulher (SP), Percival Palesel, afirma que desde agosto do ano passado, quando partiu para programaçăo independente, a emissora tem registrado crescimento entre 10% e 15% ao męs. Empresas como Nestlé, General Motors, Procter&Gamble, Uemura, Sé Supermercados, Bom Marche já figuram na lista de anunciantes com inserçőes de merchandising nas programas .

A programaçăo é formada por assuntos de interesse do público feminino e tem como principais telespectadores mulheres com idade entre 25 e 40 anos das classes A e B.

Pela manhă é exibido um programa de ginástica, em seguida entra o Condiçăo de Mulher, voltado a assuntos ligados ŕ saúde da mulher. Ŕs 10h começa o programa de maior sucesso de audięncia e, por conseqüęncia, de anunciantes. É o Com Sabor, programa de culinária com duas horas de duraçăo apresentado por seis profissionais da área. Ŕ tarde, săo apresentados seis blocos de 15 minutos cada com sugestőes de atividades para as donas de casa e ŕs 17h30 entra talk show Coffe Break com o Leăo Lobo. Toda a programaçăo é gravada em estúdio em Săo Paulo.

Segundo Palesel, pesquisa do Datafolha mostrou que entre 10% e 15% da populaçăo da Grande Săo Paulo tem o hábito de sintonizar emissoras em UHF, sendo que 65% dos lares da regiăo já estăo capacitados para assistir a essa freqüęncia de canais. Em Săo Paulo, a emissora operava como retransmissora da TV Manchete, pelo canal 42 em UHF. "A receptividade das agęncias de propaganda para nossa programaçăo tem sido muito boa", diz Palesel. Em Săo Paulo, o canal 42 da Rede Mulher passou a ser o retransmissor do canal 9, gerador em Araraquara.


No comments:

Post a Comment

Followers